Número total de visualizações de página

quinta-feira, 22 de setembro de 2011



Para se criarem belas frases, basta deixarmos as palavras brincarem sobre o papel e o envolverem com o seu perfume doce e alegre, em cada linha, em cada página...

quarta-feira, 21 de setembro de 2011


Há horas em que nem todas as palavras belas do mundo conseguiriam fazer nascer uma frase perfeita.


Porque quando encontramos a nossa verdade só queremos acreditar nela, porque para nós é a verdade mais verdadeira á face da terra, mas quando essa verdade  se transforma em mentira, o mundo desaba e tudo o que era real parece ficticio, tudo o que era importante já nao importa mais, tudo o que era valorizado não tem mais valor algum, porque a palavra amo-te toma o mesmo significado que a palavra odeio-te, porque o que escrevo hoje poderá já não fazer sentido amanha, porque nada é para sempre...

segunda-feira, 19 de setembro de 2011


A perda é mais que perder, é ficar com uma parte de nós que já nao vai crescer mais, é um sentimento que deixa de se desenvolver, é parte da nossa alma que se perde também. Quando alguém nos deixa sabemos que pode ser para sempre, mas acreditamos que será?
Após a perda dizem-nos que o tempo cura tudo, eu estou segura de mim que o tempo faz alastrar mais a ferida, pois ele, faz-nos esquecer as lembranças que tinhamos da pessoa que amámos, mas nunca nos fará esquecer que a perdemos. Muito pelo contrário, o tempo passa e com ele leva os os pedacinhos de sentimento que tinhamos e que a perda fez parar de crescer e quanto mais horas, mais dias, mais meses, mais anos passam, mais saudades sentimos e pode vir o tempo todo do mundo que não consegue levar as saudades com ele!

Tudo tem uma cor, todos temos uma cor


O sol é amarelo, o mar azul, o algodão é branco, e ele...bem, ele tem olhos castanhos, a pele morena, o cabelo preto, o sorriso é rosa, o perfume verde marinho, o olhar violeta e a sua alma é vermelha, porque me toca com paixão, porque me ama com fulgor, porque me quer com sentimento escarlate, ele é fogo, ele é sangue. Antes ele era amarelo e eu magenta, ao nos unirmos ficamos da cor do amor...

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Temos sempre de tentar



Mesmo que saibamos que pode não resultar, mesmo que possa um dia acabar, mesmo que nem chegue a começar, mesmo que nos falte a vida para continuar, mesmo que tudo esteja contra nós, mesmo que o medo nos envolva no seu leito acolhedor, mesmo que não tenhamos mais forças, mesmo que nos roubem o coração, mesmo que o passo seja maior que a perna, temos sempre de tentar, porque até nós fomos uma sucessão de tentativas.